Quer vender mais neste ano, mas não sabe por onde começar? Confira quatro dicas simples que vão te ajudar a começar com o pé direito!

Fazer boas venda é o maior desejo de qualquer empresa, e também o maior desafio. Tem quem tente aumentar o time, enquanto outras pessoas investem pesado em marketing. Porém, o fato é que ninguém descobriu ainda a receita infalível para vender mais.

Acreditamos que é possível, sim, maximizar resultados sem precisar dessa receita. Por isso, resgatamos 4 dicas simples e que já são até clássicas! Elas podem ajudar a melhorar os processos, organizar a casa e, consequentemente, aumentar as vendas.

1. Faça o planejamento comercial com antecedência

O planejamento comercial será o guia para o próximo ano, e o ideal é começar 2020 com os objetivos claros para toda a equipe. Sendo assim, a melhor hora para iniciar esse planejamento é agora, enquanto o ano termina. Defina qual será o objetivo do ano e mãos à obra!

Colete as métricas de 2019 até o momento e analise quais ações tiveram retorno positivo. Elas podem entrar no planejamento do próximo ano, buscando um resultado parecido ou melhor. Olhe para os meses de baixa performance, procurando compreender o que poderia ter sido diferente. Assim, você pode identificar problemas e trabalhar para resolvê-los.

Também é indicado ter uma primeira versão da previsão de vendas para o ano que vem. Com isso em mãos, é possível ter uma ideia dos investimentos necessários, desde ações de marketing até novas contratações.

Planejar-se com antecedência garante mais tempo hábil para organizar os planos de ação, além de oferecer menos chances para o erro quando a prática começar.

2. Invista em treinamento

Manter o time afiado e motivado é a nossa maior dica de como aumentar as vendas. Para isso, é importante que a gestão ajude os vendedores a se desenvolverem mais a cada dia, reconhecendo o bom trabalho e dando apoio na resolução de conflitos e gargalos da rotina.

Uma maneira de demonstrar esse compromisso é investindo em treinamentos de vendas, internos, externos, com especialistas do mercado ou ministrados pelo próprio gestor.

Podem ser tanto treinamentos técnicos, que ajudem a aprimorar as metodologias de prospecção, abordagem e negociação, quanto de outras habilidades, como as chamadas soft skills.

Elas são habilidades pessoais e comportamentais, que também interferem na performance profissional dos funcionários e que podem ser adquiridas e aperfeiçoadas. São exemplos de soft skills:

  • Inteligência emocional;
  • Relacionamento interpessoal;
  • Foco no cliente;
  • Colaboração em equipe;
  • Motivação;
  • Comunicação;
  • Habilidade organizacional.

Essas competências melhoram não só o ritmo do trabalho em si, mas também podem colaborar para mudanças na cultura, no clima da empresa como um todo e nos relacionamentos entre equipes.

Treinar vendedores é uma obrigação da gestão comercial. Ser um bom vendedor não é uma habilidade inata, que vem de fábrica pronta. Para evoluir, é preciso exercitar, reconhecer oportunidades de melhoria e aplicar os aprendizados no dia a dia.

Outra dica é estimular a troca de conhecimentos entre os próprios vendedores. Organize bate-papos mensais, por exemplo, em que um vendedor deverá compartilhar algo novo que aprendeu no período. Ou então contar uma experiência recente que o ajudou a melhorar sua performance.

3. Alinhe as metas de vendas com o time de marketing

Não tem como aumentar as vendas em 2020 sem se preocupar com o alinhamento entre Marketing e Vendas. Esse tema tem sido recorrente aqui no blog, especialmente com o Mês do Planejamento de Marketing Digital e Vendas, porque muitas empresas ainda sofrem para conseguir colocar as duas áreas na mesma página.

É fundamental ter objetivos bem definidos para ter esse alinhamento. Portanto, recomendamos que o planejamento de vendas seja a orientação para os planos de marketing. Nele, devem constar:

  • Os perfis de clientes que a empresa quer atingir no ano;
  • Os perfis que não são de interesse comercial;
  • A previsão de crescimento de vendas por trimestre;
  • Caso a empresa venda mais de um produto ou serviço, as metas específicas de cada um e se algum será priorizado;
  • O crescimento projetado para as taxas de conversão.

Com essas informações, o time de marketing conseguirá criar seu planejamento com muito mais assertividade. Lembre-se também de coordenar os objetivos com o planejamento financeiro empresarial, que vai ser responsável por ditar o orçamento disponível para atingir as metas.

4. Implemente o CRM na rotina comercial

Falamos há pouco que, para aumentar as vendas, é importante ter um planejamento bem estruturado e alinhado com toda a empresa. Em paralelo, outro ponto crítico que precisa ser considerado é a própria rotina comercial, os processos e metodologias utilizados nas vendas.

A forma mais segura de mapear a rotina comercial é acompanhando os vendedores no dia a dia. Por isso, entenda como se comunicam, quais ferramentas utilizam, como se relacionam com os clientes, quanto tempo cada venda leva e quais entraves surgem na rotina.

Contudo, em empresas pequenas, muitas vezes o gestor de vendas também é o gestor do marketing, do administrativo, do financeiro e de recursos humanos. Já em empresas maiores, há muitos vendedores por time, e esse acompanhamento pessoal se torna inviável.

Assim, é preciso ter uma maneira de controlar o processo comercial sem perder nenhum detalhe importante, mas com organização suficiente para detectar problemas e solucioná-los o quanto antes. É para isso que serve um software de CRM: dar autonomia para os vendedores e segurança para a gestão.

No CRM, cada vendedor tem um registro completo de suas atividades do dia, com espaço para anotações importantes e uma visão ampla das tarefas previstas para a semana. O gestor também tem essa visão e conta ainda com o apoio dos relatórios de resultados para acompanhar o progresso das metas.

Por isso, nossa última dica de como aumentar as vendas é adotar um CRM para otimizar a rotina comercial. Se você ainda não usa a ferramenta, é hora de pesquisar e encontrar a que vai se encaixar melhor às suas necessidades.